Pare de culpar a sua infância ou seu passado por aquilo que você vive hoje

Sempre ouvimos a história de que seu passado lhe condena ou de que seus traumas vêm desde a infância. Dentro da Psicologia existem algumas teorias que explicam o porquê disso. Acredito que é sempre válido compreender esses processos, mas existe uma diferença entre compreender o que houve e utilizar esse fato para se culpar do que você se tornou hoje.

roman-kraft-60298 (1)

Normalmente, esses fatos vêm acompanhados de sentimentos como medos, angústias, negligência e traumas que referimos aos nossos cuidadores. Como seria se tivessem agido diferente?  Que pessoa eu teria me tornado se meus cuidadores tivessem feito de outra forma? A partir disso, passamos a viver nesse ciclo de culpa, tanto para nós mesmos quanto para essas pessoas que amamos. Sim, dói não saber como amar uma pessoa que acreditamos que teriam que fazer o certo por nós. Onde foi que nós ou nossos cuidadores se perderam nesse processo de culpa?

ariel-lustre-265961 (1)_Easy-Resize.com

Hoje, construindo e vivendo diariamente o meu papel de mãe, compreendo os “erros dos meus cuidadores”, do meu pai e da minha mãe.  Eles fizeram tudo que podiam e hoje agradeço pelos “erros”. Nossos pais não tinham a informação que temos hoje, não tiveram uma educação de amor e afeto expressivo, o tempo e a evolução deles foram diferentes. Nos deram o que podiam dar, onde o amor reinava de forma diferente.  A luta para dar uma qualidade no estudo, uma comida boa, um passeio, deixar você com o irmão mais velho para poder trabalhar. Qual é o tipo desse amor que você recebeu? Então sim, nos tornamos adultos e temos muita dificuldade de acharmos o nosso eu, definir a nossa identidade. Olhamos para o presente e acabamos no culpando se tivesse sido diferente, e se…. Bom o que dizer!

london-scout-41032_Easy-Resize.com

Digo que existe uma diferença em como você vai se relacionar com essa culpa. As fotos do passado ou da infância servem como fatos, experiências, não se esconda atrás disso para justificar a sua forma de hoje. Encare a sua culpa, dor, realidade, ame os que fizeram de tudo para você existir. Se você chegou onde chegou, foi porque você escolheu estar onde está, liberte-se desse status de vítima ou de culpa. Olhe para tudo isso com amor e sim, siga vivendo e descobrindo suas verdades.  Acredite que as nossas gerações estão aqui para evoluir, desenvolver e chegar o mais próximo da sua verdade interior. Se liberte desses monstros internos, desse social que insiste em te enquadrar em um padrão, busque a sua verdade. Para isso é preciso perdoar quem mais lhe amou nesse mundo. Eles erraram em alguns pontos, mas acredite, estavam desejando acertar porque sempre nos amaram. Agradeça pelos erros, foram eles que te trouxeram até aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *